Mordida cruzada: como ela prejudica a saúde bucal?


Você provavelmente já ouviu falar em mordida cruzada. Será que você realmente sabe o que ela é? Nem sempre é fácil identificá-la, e sem tratamento, os danos para a sua saúde bucal podem ser grandes. Entre as causas desse quadro estão fatores genéticos ou hábitos adquiridos na infância, e quanto antes for tratado, maiores são as chances de ser revertido sem tratamentos mais invasivos. Para acabar com as dúvidas, explicaremos do que se trata esse problema e como ele pode ser prejudicial para o seu sorriso.

ENTENDA A MORDIDA CRUZADA

Perceptível em boa parte dos casos, esse problema atinge muita gente e é comum entre crianças. Mas afinal, o que é? “A mordida cruzada é uma maloclusão onde há um posicionamento invertido dos dentes”. Entender esse quadro é simples. O mais comum é que os dentes superiores ficam numa posição mais para dentro em relação aos inferiores. Mas, existem também outros casos de mordida cruzada, em que os dentes inferiores ocluem à frente dos superiores.

COMO A MORDIDA CRUZADA PODE PREJUDICAR A SAÚDE BUCAL?

Um perigo para o sorriso, a mordida cruzada pode causar vários problemas orais e extraorais. Se duradouro, esse quadro poderá resultar em um desgaste irregular e excessivo da superfície dental. “Outro problema comumente observado é a perda óssea em alguns dentes cruzados”, completa. Além disso, as articulações temporomandibulares (ATMs) podem ser afetadas caso o problema não seja corrigido rapidamente, portanto é importante iniciar o tratamento o mais cedo possível.

MORDIDAS CRUZADAS SÃO CORRIGIDAS COM TRATAMENTOS ORTODÔNTICOS

O tratamento ortodôntico é a forma mais utilizada para correção das mordidas cruzadas. “O uso do aparelho ortodôntico deve ser realizado o mais precocemente possível, melhorando assim o prognóstico”. Dependendo do caso, podem ser utilizados aparelhos fixos ou móveis para a correção da mordida. Em quadros mais severos ou quando o tratamento demora para ser realizado, pode se tornar necessária uma intervenção cirúrgica simultânea ao tratamento com aparelho. Ela é chamada cirurgia ortognática e é feita pelo cirurgião bucomaxilofacial.
Para se proteger contra esse problema, o mais importante é desde cedo tornar as visitas ao dentista um hábito. Você pode observar em seu filho se a sua mordida está desencaixada, com os dentes superiores atrás dos inferiores, mas existem casos em que o problema não poderá ser constatado sem o auxílio de um profissional. As visitas a um dentista devem começar desde o nascimento, e ele poderá indicar a visita a um ortodontista assim que a dentição da criança estiver completa. Com esse acompanhamento, qualquer problema será rapidamente diagnosticado, facilitando o tratamento.




Comentários

Localização

Saiba tudo sobre Aparelhos Dentais

Saiba tudo sobre Aparelhos Dentais
Seu aparelho tem que ter a nossa marca

Postagens mais visitadas